A igualdade entre homens e mulheres não é possível – parte 1

por Angry Harry 

Tentar igualar homens e mulheres é a mesma coisa que tentar igualar maçãs e laranjas.

O objetivo politicamente correto de igualar ‘homens’ e ‘mulheres’ é algo de realização impossível.

Nunca será achado um jeito de se fazer isto.

Nunca inventarão um jeito para isto.

Nunca irá acontecer.

A busca infindável pela igualdade entre ‘homens’ e ‘mulheres’ na verdade alimenta uma guerra sem fim entre os sexos.

Quanto mais agressiva for esta proucura pela igualdade entre os sexos, mais agressiva será a guerra (ou a hostilidade) entre homens e mulheres. Continue lendo

[Pragakham] Piranha em pele de sereia

por Pragakham 

Como sereias que tinham o poder de encanto sobre pescadores, marinheiros, etc, assim é a mulher atual. Uma safada, uma piranha vestida de sereia. Há pouco tempo, me aconteceu um fato que me estressou, detesto essas mulheres que se aproximam feito parasitas. Chegam perto e encostam ali, esperando para sugar alguma coisa. Financeiro ou material, a piranha vem com aquele ar, doce ingênuo e inocente perto de um lobo faminto raivoso, querendo comer qualquer carne feminina que ele sente o cheiro hahaha. Continue lendo

A estética do Cavaleiro Solitário – andando altivamente (e sozinho) pelas planícies

Traduzido pelo Miguel, do fórum Homens Honrados.

por Ken Knight

Não se “espera” de um homem que continue solteiro após os 30 anos. Isto é uma máxima até nesta era mais “iluminada”. Outra máxima é que o homem que passa dos 30 (e ainda mais dos 35!) deve ter filhos. Pergunte a qualquer pai ou mãe de um filho com mais de 30 anos, e é isto que, tipicamente, dirão, para não falar nos colegas do homem.

Qualquer cara heterossexual que chegou aos 30 ou 40 sem ter se casado e tido filhos, ou pelo menos gerado alguns pirralhos por volta dos seus 20 e tantos anos, conhece o estigma que outros colocam nele de tempos em tempos (embora isso só seja um “estigma” para eles). “O quê, você não é casado?” “Você não tem filhos??!” Continue lendo

O Homem Invisível

Traduzido pelo Miguel, do fórum Homens Honrados.

Marginalizado, ignorado e esquecido (até se tornar “necessário”)

por Ken Knight

Em 1997, o escritor de horror Bentley Little publicou seu apropriadamente intitulado romance “THE IGNORED”. É sobre um homem que é tão mediano e se encaixa tão bem na sociedade que desaparece de vista, entra num estado onde seus colegas de trabalho não conseguem mais vê-lo, seus amigos não o reconhecem, seus pais morrem e ele nem mesmo é convidado para o funeral. Ele se junta a outros como ele, um pequeno grupo de homens em seu próprio espaço de realidade que se apóiam uns aos outros por serem ignorados por aqueles à sua volta e buscam “vingança” pela maneira como são tratados.

Apesar de não ser controverso como outros clássicos do isolamento masculino como “The Satanic Bible” e “American Psycho”, “THE IGNORED” é um mergulho na realidade de personagens fictícios que, secretamente, se revoltam contra a sociedade ao seu redor porque, apesar de seu alto nível educacional, bons empregos e qualidades como provedores de famílias, se encontram esquecidos pela própria ordem social a que vêm servindo. A arte imita a vida… Ou é o que dizem! Continue lendo

Programadoras

por Angry Harry

Mulheres estão querendo ser programadoras de jogos: Uma universidade britância está tentando obter candidatas ao seu curso de programação de games.

Mulheres querendo entrar em cursos para programar jogos de computador?

Talvez Deus tenha piedade de nós. Continue lendo

Mulheres que gostam de marginais – parte 5799

por Whiskey’s Place

Mulheres caçam marginais. Triste, mas é a verdade. As mais lindas mulheres geralmente se atraem pelos piores tipos de homens. Isto inclui os violentos e perigosos. O Daily Mail tem mais uma história de uma mulher que foi morta por seu ex namorado/marido. Laura Akerson, 27 anos, foi achada esquartejada em lugar ermo, a quase 2000 km de sua casa na Carolina do Norte. Seu ex namorado e sua nova esposa foram acusados pelo crime.

Nada de novo sob o sol. Você vai sempre achar uma jovem (ou não tão jovem) que é morta brutalmente por seu marido, namorado ou ex em qualquer dia da semana, na maioria das áreas metropolitanas do mundo. A questão é, porque? A resposta feminista padrão é, todos os homens são maus, cruéis e tem por esporte favorito matar mulheres indefesas. Mas a resposta mais correta é que um comportamento masculino violento, mesmo direcionado contra uma mulher, é um grande afrodisíaco. Como Theodore Dalyrmple notou, em seu livro “Life at the Bottom”, mas que não se aprofunda demais neste tema, as mulheres preferem mais os homens violentos, mesmo se elas tem boa educação e sejam enfermeiras profissionais. Elas preferem os canalhas que abusam delas fisicamente e as humilha. Porque? Porque eles oferecem a dominância violenta que elas tanto adoram. Continue lendo

Os “benefícios” do feminismo

por Angry Harry 

Neste site, com fortes evidências – O FEMINISMO é mostrado como um fator causal significativo quando se trata de violência grave, assédio sexual, violência doméstica, abuso sexual, roubo, abuso infantil, abuso de drogas, gravidez na adolescência, a pobreza, padrões educacionais ruins, a prostituição, pedofilia, assédio, maus tratos, o congestionamento do tráfego, poluição, terrorismo, vandalismo, roubo, homicídio, delinqüência na adolescência, violência nas estradas, o alcoolismo, outros vícios, vandalismo, depressão, conflitos de gênero, histeria, stress, grave problemas como doenças cardíacas e câncer, maior deficiência entre as crianças – tanto psicológica e física – com milhões de mortos, ainda no útero, AIDS, a punição judicial de pessoas inocentes, e as más condições educacionais dos meninos pobres, a população carcerária crescente, desagregação familiar, o crescente afastamento dos homens, a corrupção do sistema de justiça e do processo democrático, a corrosão de integridade acadêmica, a degradação das ciências sociais e da lei, serviços públicos precários, o empobrecimento dos aposentados e pensões, a imigração excessiva, longas listas de espera em hospitais, a música rap hostil, as taxas de tributação elevada, o choque terrível agora a ser experimentado por milhares de mulheres que estão descobrindo que eles são velhas demais para ter filhos, e, quase inacreditavelmente, o aquecimento global – se ele está acontecendo. Continue lendo

[Pragakham] Se a mulher que realiza o homem, porque as mesmas os exploram e pisam?

por Pragakham

Se a mulher que realiza o homem, porque as mesmas os exploram e pisam?

Eles falam “atrás de um homem tem sempre uma grande mulher”. Realmente tem, pra enfiar no cu do coitado um belo par de chifres e sofrimentos emocionais. Mulher só realiza o homem sexualmente, seu merda! Fica esperto rapaz , essa coisa que mulher realiza, completa, edifica, etc, somente essa sociedade injusta e cega que vê isto. Continue lendo

Tensão Menstrual Permanente

Texto traduzido pelo Miguel, do fórum Homens Honrados.

por Angry Harry 

Todos os dias, por cerca de 90 minutos, as mulheres são consumidas por pensamentos irracionais, raiva incontrolável e um desejo irresistível de abusar emocional, verbal ou fisicamente de seus parceiros e filhos.

Isto é verdade? Bem, tanto quando a freqüentemente citada declaração de que os homens pensam em sexo a cada 15 segundos.

Essa frase é muitas vezes dita em tom de brincadeira, mas há uma motivação muito mais sinistra movendo aqueles que gostam de promover este onipresente exemplo da propaganda misândrica que tem circulado ao longo dos anos na grande mídia. Continue lendo

A Flecha do Desejo – Homens sexys e não confiáveis – Final

Caso não leu a 1ª parte, clique aqui!

por Whiskey’s Place 

Steve Sailer postou uma das melhores observações que já li. Ele falava da falta de “diversidade” entre as mulheres (e homens) que jogam nos times americanos de futebol. Entre os pontos expostos, destaco aquele que ele afirma que os pais das classes mais abastadas investem pesado em seus filhos, particularmente suas filhas (para mantê-las longe de cafajestes que engravidarão elas aos 16 anos, como no caso Roderick Dantzler). Dando ênfase em atividades sadias que levam a um melhor desempenho escolar, e não uma carreira esportiva profissional, e a um ambiente sadio de classe alta. Sem bandidos, cafajestes e outros tipos por perto. Continue lendo

%d blogueiros gostam disto: