Mulheres que gostam de marginais – parte 5799

por Whiskey’s Place

Mulheres caçam marginais. Triste, mas é a verdade. As mais lindas mulheres geralmente se atraem pelos piores tipos de homens. Isto inclui os violentos e perigosos. O Daily Mail tem mais uma história de uma mulher que foi morta por seu ex namorado/marido. Laura Akerson, 27 anos, foi achada esquartejada em lugar ermo, a quase 2000 km de sua casa na Carolina do Norte. Seu ex namorado e sua nova esposa foram acusados pelo crime.

Nada de novo sob o sol. Você vai sempre achar uma jovem (ou não tão jovem) que é morta brutalmente por seu marido, namorado ou ex em qualquer dia da semana, na maioria das áreas metropolitanas do mundo. A questão é, porque? A resposta feminista padrão é, todos os homens são maus, cruéis e tem por esporte favorito matar mulheres indefesas. Mas a resposta mais correta é que um comportamento masculino violento, mesmo direcionado contra uma mulher, é um grande afrodisíaco. Como Theodore Dalyrmple notou, em seu livro “Life at the Bottom”, mas que não se aprofunda demais neste tema, as mulheres preferem mais os homens violentos, mesmo se elas tem boa educação e sejam enfermeiras profissionais. Elas preferem os canalhas que abusam delas fisicamente e as humilha. Porque? Porque eles oferecem a dominância violenta que elas tanto adoram. Continue lendo

Os “benefícios” do feminismo

por Angry Harry 

Neste site, com fortes evidências – O FEMINISMO é mostrado como um fator causal significativo quando se trata de violência grave, assédio sexual, violência doméstica, abuso sexual, roubo, abuso infantil, abuso de drogas, gravidez na adolescência, a pobreza, padrões educacionais ruins, a prostituição, pedofilia, assédio, maus tratos, o congestionamento do tráfego, poluição, terrorismo, vandalismo, roubo, homicídio, delinqüência na adolescência, violência nas estradas, o alcoolismo, outros vícios, vandalismo, depressão, conflitos de gênero, histeria, stress, grave problemas como doenças cardíacas e câncer, maior deficiência entre as crianças – tanto psicológica e física – com milhões de mortos, ainda no útero, AIDS, a punição judicial de pessoas inocentes, e as más condições educacionais dos meninos pobres, a população carcerária crescente, desagregação familiar, o crescente afastamento dos homens, a corrupção do sistema de justiça e do processo democrático, a corrosão de integridade acadêmica, a degradação das ciências sociais e da lei, serviços públicos precários, o empobrecimento dos aposentados e pensões, a imigração excessiva, longas listas de espera em hospitais, a música rap hostil, as taxas de tributação elevada, o choque terrível agora a ser experimentado por milhares de mulheres que estão descobrindo que eles são velhas demais para ter filhos, e, quase inacreditavelmente, o aquecimento global – se ele está acontecendo. Continue lendo

[Pragakham] Se a mulher que realiza o homem, porque as mesmas os exploram e pisam?

por Pragakham

Se a mulher que realiza o homem, porque as mesmas os exploram e pisam?

Eles falam “atrás de um homem tem sempre uma grande mulher”. Realmente tem, pra enfiar no cu do coitado um belo par de chifres e sofrimentos emocionais. Mulher só realiza o homem sexualmente, seu merda! Fica esperto rapaz , essa coisa que mulher realiza, completa, edifica, etc, somente essa sociedade injusta e cega que vê isto. Continue lendo

Tensão Menstrual Permanente

Texto traduzido pelo Miguel, do fórum Homens Honrados.

por Angry Harry 

Todos os dias, por cerca de 90 minutos, as mulheres são consumidas por pensamentos irracionais, raiva incontrolável e um desejo irresistível de abusar emocional, verbal ou fisicamente de seus parceiros e filhos.

Isto é verdade? Bem, tanto quando a freqüentemente citada declaração de que os homens pensam em sexo a cada 15 segundos.

Essa frase é muitas vezes dita em tom de brincadeira, mas há uma motivação muito mais sinistra movendo aqueles que gostam de promover este onipresente exemplo da propaganda misândrica que tem circulado ao longo dos anos na grande mídia. Continue lendo

A Flecha do Desejo – Homens sexys e não confiáveis – Final

Caso não leu a 1ª parte, clique aqui!

por Whiskey’s Place 

Steve Sailer postou uma das melhores observações que já li. Ele falava da falta de “diversidade” entre as mulheres (e homens) que jogam nos times americanos de futebol. Entre os pontos expostos, destaco aquele que ele afirma que os pais das classes mais abastadas investem pesado em seus filhos, particularmente suas filhas (para mantê-las longe de cafajestes que engravidarão elas aos 16 anos, como no caso Roderick Dantzler). Dando ênfase em atividades sadias que levam a um melhor desempenho escolar, e não uma carreira esportiva profissional, e a um ambiente sadio de classe alta. Sem bandidos, cafajestes e outros tipos por perto. Continue lendo

A Flecha do Desejo – Homens sexys e não confiáveis – Parte 1

Um tapa na cara daquelas que falam que mulher quer um “homem companheiro e compreensivo”.

por Whiskey’s Place 

Alguns artigos publicados um tempo atrás no site de Larry Auster e no Wall Street Journal demonstram bem como o desejo das americanas (e na realidade, pode se estender a todas as mulheres ocidentais) mudou através das décadas. Um desejo exagerado por homens sexys, porém não confiáveis. É uma mudança profunda, e talvez irremediável, que terá profundos efeitos na formação familiar, geração de riquezas e mesmo no poder de um país. A preferência maciça por homens sexys siginifica basicamente uma América e um Ocidente mais pobres, violentos, estagnados e incapazes de inovar e criar soluções para novos problemas. Continue lendo

Todos os homens não prestam

por Angry Harry 

Quantas vezes já tivemos que escutar isto?

Entretanto, se uma mulher diz que “todos os homens não prestam” isso só pode ser por experiência própria dela. Deve ser a experiência que ela teve com TODOS os homens que ela se relacionou, TODOS os seus colegas maculinos e TODOS os seus amigos homens (isso se ela tiver algum).

Agora, tanto você quanto eu sabemos que nem todos os homens não prestam, mas nós sabemos que eles podem agir como um pilantra se eles quiserem.

Então, se a experiência de uma mulher lhe diz que todos os homens não prestam, então podemos deduzir que todos os homens em seu círculo social agem de forma ruim contra ela.

A questão é, porque todos os homens agem feito safados contra esta mulher? Continue lendo

[Pragakham] Carência da mamãe vista em uma bandida qualquer

por Pragakham

O grande segredo para que tu, seu merda, não veja sua vizinha gostosa e bucetuda como uma mamãe que não te deu carinho e peito é começar desde cedo a praticar a lei do corpo. Vá a zona mais cedo, descabace mais cedo, vá meter em mulheres pagas, putas civis safadas, etc.

Antigamente os homens, por falta de uma buceta, comiam galinhas, éguas, qualquer bicho que inspirasse buceta. Mas se tornavam machos, juntavam conteúdo para contar para os filhos as aventuras, para que passasse para seu filho o que é ser um macho. Atualmente os machinhos estão virando verdadeiras cinderelas, estão tendo depressão e acabam enfiando o dedo na bunda, brincando de troca troca com o amiguinho! Porque a mamãe e o papai não tem tempo para dar carinho pra mocinha…

Ah vá se fuder pra la, so! Vira macho! Eu com meus 13 anos ja ia na zona, subornava o porteiro para ao menos ver uma buceta e bater uma punhetinha. Na época comer uma xoxota era lei, era princípio. Se não éramos taxados como veadões, se hoje o boiolinha não vê perereca, tadinho ele tá com depressão, e acaba no troca troca, mais tarde com um salão de beleza…

Aproveite sua vida agora, ela é o unico bem que deus lhe deu, se perderes o dia de hoje, amanhã poderá ser tarde. Fico abestado como perdemos tempo com o amor idiota, quando nossa missão é comer um corpo com 2 buracos e peitolas. Se o importante é gozar, pra que chorar, se mamãe não te deu carinho, seu boiola, enfia o dedo na bundinha e corre pra saia da titia. Hoje as menininhas estão ai ganhando dos meninos, desde pequenas já se reunem em bandos, já brincam de empresárias, modelam a mulher atual, imitando o que as vacas fazem em novelas com os chifrudos. Enquanto voce tá la brincando de troca troca enfiando o playstation no bumbum, por isso que a nossa geração de machos está perdendo paras as mulheres. Ja não basta termos o mito antigo do homem sofrido, e futuramente os boiolas de plantão, aprenda desde pequeno que é só voce e voce no mundo.

Eu com 14 ja comia bocetas , 15 ja tava no mercado de trabalho, ecomizando vale transporte pra meter e beber cerveja escondido. Se pudesse repetia tudo novamente. Então aproveita sua vida e pare de chorar, seu troca troca!

O problema é, eu ainda a amo – Relato de violência doméstica

Por 6 meses, Daniel Hoste foi espancado repetidamente por sua namorada, geralmente por pequenas transgressões, como entrar de sapatos na casa. Foi só depois de separar-se dela que ele viu que esta situação está longe de ser incomum.

The Guardian, Segunda, 11 de março de 2002
Relato

Imagine sendo socado no rosto por um estranho, e depois levando cacetadas tão fortes com um fone que o faz quebrar. Depois, ele começa a te estrangular. A razão para que este ataque acontecesse foi que você deixou a porta aberta. Agora, imagine que este estranho que o ataca é alguém que você ama, alguém que correspondia o seu amor em abundância. Eu não tenho que imaginar uma situação dessas. Isto aconteceu comigo dezenas de vezes num período de 6 meses e isto me resultou lesões severas nas costelas, por vota de 50 contusões e inchaços, um olho roxo, lábis machucados e arranhões e mordidas tão fortes que chegavam a sangrar. Fui ameaçado com um bastão de baseball, uma garrafa de cerveja vazia e tive uma garrafa cheia arremessada na minha cabeça. A agressão emocional foi muito pior: os ferimentos sararam; mas minhas cicatrizes mentais jamais desapareceão. A outra coisa que esqueci de mencionar é que eu sou um homem. Continue lendo

O declínio da masculinidade é acompanhado pelo declínio da liberdade

É bem claro que a vida dos americanos se tornaram muito mais regulada e tediosa que a vida dos americanos de uma geração atrás. Nós tecnicamente ainda temos liberdade, mas elas vem sendo sistematicamente retiradas de nós por pressões econômicas e institucionais. Por exemplo, o politicamente correto nas universidades, do que era uma mera expressão do militância esquerdista na década de 1980 foi imposta na maioria das escolas, e tanto professores quanto estudantes que ignoram o novo código de conduta poderão pagar um preço alto por isso. Escrever algo politicamente provocativo na web, ou simplesmente comentar isso com algum colega de trabalho, pode resultar em empecilhos para arrumar algum serviço ou mesmo a demissão. As pessoas tem medo de expressarem suas opiniões – e por boas razões. Continue lendo

%d blogueiros gostam disto: