[Notícia] Restaurante cobra 30% a mais de homens em campanha contra desigualdade salarial

A concorrência agradece…

O restaurante paulistano Ramona teve uma brilhante ideia para chamar a atenção para a desigualdade salarial entre homens e mulheres. No menu do estabelecimento, todos os produtos estão com preços 30% mais caros para os homens. Batizada de Menu Injusto, a campanha mostra a diferença no pagamento entre os sexos e faz sucesso nas redes sociais.

continue a ler a matéria aqui: http://br.noticias.yahoo.com/blogs/vi-na-internet/restaurante-cobra-30-a-mais-de-homens-em-campanha-181810814.html

9 comentários

Pular para o formulário de comentário

  1. A concorrência agradece.

  2. Que tal colocar garçons velhos e com cicatrizes, dedos faltando, cadeirantes, pra lembrar da desigualdade em relação à previdência e trabalhos de risco?

  3. Cara, mudando de assunto, tenho 23 anos e ganho bem, tô pensando em fazer vasectomia oq vc acha?

    1. Acho um pouco cedo pra pensar nisso, vc pode muito bem mudar de ideia quando chegar aos 30.

    • Brasileiro em 04/19/2015 às 19:17
    • Responder

    Mais um restaurante para eu não ir. Já vi o endereço do referido estabelecimento e o risquei de minha lista para todo o sempre. Que outros também façam o mesmo e se lembrem que basta atravessar a Consolação para estar no bar Estadão, esse sim um sucesso de público há décadas justamente por tratar a todos de maneira igual. Se por lá um prato demora, é porque sempre tem muita gente pedindo uns comes e bebes e a equipe do bar é pequena.

    PS: parte dos sócios do Ramona também o é da casa Alberta#3, que fica ao lado e sempre cobra os mesmos preços de ingresso ou consumação para quem for lá ver um show de rock. Sim, a hipocrisia literalmente bate à porta, pois esse é um dos poucos estabelecimentos noturnos que cobram a mesma coisa de um homem ou uma mulher. Por que não cobram 30% a mais dos homens que forem ao Alberta#3? Ah, porque sabemos ser costume as casas noturnas sempre cobrarem menos de mulheres para sorrir lá dentro.

    • MisterKratos em 04/18/2015 às 17:20
    • Responder

    Bando de otários, espero que vá a falência, a maioria das clientes são um bando de patricinhas que vão só para comer às custas dos betas, namoraduchos e cornos em geral porque são eles que pagam a conta. Se tiverem o mínimo de bolas não comerão mais nesse restaurante, um filha da puta qualquer faz uma “pesquisa” onde ele mesmo diz que existe tal diferença salarial não apesenta dados concretos nem o sistema de avaliação e a maioria da população engole tal mentira sem reclamar, eu sou funcionário público e trabalho de inspetor, na minha escola todos os inspetores tanto homens como mulheres recebem o mesmo salário para a mesma função, não existe nunca existiu e nem existirá essa mentira de 30% a menos.

    1. E o que ninguém ousa falar: as mulheres, quando ficam menstruadas, produzem menos; tiram licença maternidade, de quatro a seis meses; e, com o charminho, o chefe sempre libera para resolver problemas médicos ou pessoais.

      1. Pra mim mulher sempre produz menos.

  4. Só boicotar essa merda … eu REALmente tenho que concordar com as VADIAS …os homens de hoje são uns bostas….bando de bundinhas covardes…Otários !

Deixe uma resposta

Switch to mobile version
%d blogueiros gostam disto: