«

»

set 03 2013

Os cuidados com a procrastinação

Untitled 1por Mandrake, do Fórum do Búfalo

“Deixar para amanhã o que se pode fazer hoje.” 

Esse é o lema de um procrastinador. Um mal que pode lhe trazer estresse e sentimento de culpa por ter deixado suas atividades para última hora.

Sem contar toda a autodepreciação quando falha por ter enrolado e, consequentemente, não conseguir cumprir o objetivo.

Um procrastinador sempre adia suas demandas. Portanto, faz as suas atividades com um tempo menor que o necessário. O que, na maioria das vezes, resulta em um trabalho de baixa qualidade.

No mundo corporativo atual, que preza pela rapidez e por colaboradores diligentes, proativos e dinâmicos, procrastinar pode resultar em uma sequência de erros e no fracasso de um projeto bem elaborado.

Porque nós procrastinamos?

Vamos dar uma olhada rápida no que nos faz adiar. Há várias razões, que estão relacionadas de várias maneiras:

1. Queremos gratificação instantânea. Descansar no sofá é pensado como sendo mais agradável, agora, do que ir fazer uma corrida. Verificação de e-mail ou Facebook é mais fácil, agora, do que fazer esse projeto que você vem adiando. Comer bolo de chocolate é mais saboroso, agora, do que comer vegetais.

2. Temos medo/terror de algo. Podemos ter medo, vamos falhar, ou um olhar ignorante ou estúpido. Estamos na maioria das vezes com medo do desconhecido, que tem mais poder, porque não examinamos esse medo – ele apenas se esconde no fundo de nossas mentes. Temendo algo que nos faz querer deixá-lo sem fazer ou adiar sequer pensar nisso e fazer algo fácil e seguro.

3. É fácil. Sem consequências negativas agora. Quando estávamos na escola e tinha um professor olhando sobre nossos ombros e repreendendo-nos se nós não fizéssemos o nosso trabalho, nós tendíamos a fazer o trabalho. Mas quando chegamos em casa, às vezes, ninguém estaria olhando por cima do ombro… por isso não houve nenhuma consequência negativa imediata para assistira TV ou jogar vídeo game em seu lugar. Claro, teríamos uma amanhã de má qualidade, mas isso não era agora. O mesmo é verdadeiro usando a Internet ou fazendo outros tipos de procrastinação de tarefas – nós vamos pagar por isso mais tarde, mas agora, ninguém está ficando com raiva de nós.

4. Nós superestimamos o nosso próprio futuro. Muitas vezes temos uma longa lista de coisas que pretendemos fazer, porque achamos que podemos fazer muita coisa no futuro. A realidade é geralmente um pouco pior do que esperávamos, mas isso não nos impede de pensar que no futuro será diferente, mais uma vez. Pela mesma razão, nós achamos que é OK procrastinar, porque nós vamos fazer isso mais tarde, com certeza. O nosso próprio futuro será incrivelmente produtivo e focado! Exceto, o nosso próprio futuro também será preguiçoso, e não vamos fazê-lo também. Dane-se o próprio futuro.

Para não procrastinar, você deve fazer o que tem que ser feito de forma ordenada e planejada. Para isso, aqui vão cinco dicas que podem te ajudar:

Reconheça sua procrastinação – Parece óbvio, pois de fato é, mas reconhecer a sua “enrolação” para desenvolver suas tarefas é o primeiro passo;

Comece o dia com a tarefa mais desagradável primeiro – Acabe com isso logo, e após finalizado, não fique voltando a comentar sobre o caso. Caso finalizado é caso finalizado e ficou para trás, no passado. Todo o resto do dia vai parecer mais fácil.

Um recente estudo comparou dois grupos de pessoas. Um grupo começou um programa de exercícios na parte da manhã. O segundo grupo iniciou um programa de exercícios à noite depois do trabalho.

Os pesquisadores descobriram que os exercícios matinais, tiveram uma maior probabilidade em ser mantidos seis meses depois, contrário aos que foram realizados a noite. Começar o dia com exercício teve uma probabilidade muito mais alta de levar ao hábito do exercício regular do que os realizados pelo grupo da noite, quando era mais fácil dar desculpas e procrastinar.

Divida em partes o seu objetivo – Fragmente a sua tarefa. Isso aumenta suas chances de não abandonar o projeto e a cada parte cumprida sua satisfação é renovada;

Definir um horário – Defina que horas você começará e terminará cada atividade. Isso te ajudará a ter compromisso.

Presenteie-se – Sempre que cumprir os horários agendados, presenteie-se com um tempo livre . Por exemplo, a cada hora de trabalho, você terá uma pausa de 5 minutos para fazer algo que goste. Mas, logo em seguida, concentre-se novamente no trabalho.

Organize seu local de trabalho – Sempre deixe sua mesa organizada. Uma mesa organizada evita distrações. Também faça anotações em um lugar apenas, pois quando precisar saberá onde está.

fonte: http://forum.bufalo.info/showthread.php?tid=4414

5 comentários

Pular para o formulário de comentário

  1. Fernando Marques

    Parabéns pelo Conteúdo!

    Excelente material, Gostei bastante!!

    Eu tenho algumas dicas para compartilhar também,
    acredito que quanto mais material dísponivel e de qualidade,
    mais podemos fugir da procrastinação!

    São duas dicas rápidas:

    1ª Dica : Aprenda a iniciar o seu dia dizendo se mais vezes a palavra ´´NÃO´´ .
    Diga Não para tudo que você NÃO vai fazer durante o seu dia.
    Um dos maiores erros é quando a pessoa define primeiro o que vai fazer,
    ao final do dia ela ficou com muito das tarefas pendentes, por que não definiu bem oque não iria fazer….

    2ª Dica: Crie o hábito de concentrar a sua energia e foco apenas no que realmente faz sentido para você, isso pode ser iniciado através de um exemplo prátido, começando a diminuir as distrações diárias, como por exemplo: Parar de olhar o celular 34552244 vezes ao dia.

    Espero ter contríbuido com este Canal!

    Para casos mais sérios e tratamentos contra a procrastinação
    eu recomendo este vídeo: http://bit.ly/chegadeprocrastinar

    Grande abraço a todos!

    Fernando Marques
    Gestor de Relacionamento
    Gerenciar o Tempo Agora

  2. Mandrake

    Pessoal, textos semelhantes existem na internet a fora. Os meus textos eu tiro dos materiais que eu tenho.

    Rafael Seabra acha que eu to plagiando ele, mas se forem pesquisar existem alguns textos semelhantes sobre procrastinação. Qualquer blog sobre Coaching fala sobre isso.

    E sobre o programa da Eliana, não tem nada a ver, nunca fui em programa de televisão. Nunca fui PUA.

    Eu nem vou dar enfase nessa história.

    Recado dado, vida que segue. Fim.

  3. Marcos Esquema

    Mandrake, tu não aprende mesmo não é? Desde a época de PUA fazendo merda, depois de ter sido humilhado naquele lixo de programa da Eliana parece que não aprendeu. Copiar o texto dos outros chama-se plágio.

    Tá aqui o original para quem quiser saber mais: http://queroficarrico.com/blog/2013/04/29/procrastinacao-como-combater-a-enrolacao/

    1. Lawlyet_w

      Marcos, larga de ser mentiroso, seu safado! Conheço o Mandrake há alguns anos e sei que ele nunca participou de porra nenhuma em programas como esse. Pelo contrário! Ele é o tipo de pessoa que nunca faria parte desse tipo de merda. E li os dois textos e sei que não houve nenhum tipo de plágio. Pelo que estou vendo, você é somente um vagabundo caluniador que está tentando queimar o Mandrake. Se tem invejinha do sucesso dos outros, basta trabalhar. Pare de ficar querendo sugar o que os outros fazem, moleque!

  4. Anjo_Censurado

    Como é dificil fujir disso. Olha que não sou um “ser digital” como muitos são.
    Se bober vou tomar umas pauladas aqui, mas a geração Y de modo geração poderia ser chamada de Procrastinação também, entendo a alegação de ser exposta um milhares de informações, mas ninguém é bom em tudo e o cérebro não processa duas coisas conscientemente ao mesmo tempo.
    Você olha a aba do navegador, ta com face, email, tem o celular e outras coisas, sendo que ele deveria estar pesquisando algo para um trabalho.
    Ja li algo sobre levarmos entorno de 1 hora para fazermos o trabalho que se feito especificamente levaria nem 25 min, isso era com relação a empresa, mas na vida real isso é valido também.

Deixe uma resposta

Switch to mobile version
%d blogueiros gostam disto: