«

»

jan 14 2013

Uma rebelião silenciosa

por Navarre, do Fórum do Búfalo

Assistam esse vídeo:

Nele, um jovem rapaz chora copiosamente porque sua conta em um jogo online foi hackeada.

Se você mudar o tema do vídeo e pensar que foi por causa de uma garota que o deixou, verá que faz perfeito sentido. Chega a ser incrível como esse vídeo se encaixa perfeitamente no novo enredo de coração partido.

Veja que no vídeo o rapaz afirma trabalhar principalmente para sustentar o motivo de sua felicidade. Veja como ele se sente traído quando tem sua fonte de felicidade roubada (hackeada).

É patético. Porém, seria menos patético se ele postasse um vídeo por causa de uma garota que o deixou?

Esse indivíduo não deixou a Matrix. Ele apenas trocou-a por outra.

Os homens atuais estão entrando em uma rebelião silenciosa, uma reação emocional e irracional a um problema social complexo. As mulheres atuais não são capazes de fazerem os homens sentirem-se felizes. Sua superficialidade e exigências absurdas aniquilam aquilo que o homem procura nela em primeiro lugar, sentido existencial.

Homens são naturalmente seres carentes de sentido existencial. Eles precisam de algo para continuar buscando aprimoramento de si mesmos. Durante muitos anos, homens focaram essa razão de aprimoramento no fato de se tornarem melhores para as mulheres que eles imaginavam serem puras e perfeitas (Amor Cortês da Idade Média que evoluiu para o Romantismo). Visto que estes possuia a ilusão (Matrix) de que as mulheres eram merecedoras de homens melhores, eles por si tentavam tornarem-se mais dignos delas. Haviam os que procuravam o caminho espiritual como meta existencial, mas esse é outro tema.

Qual o motivo de aprimoramento do homem hoje em dia?

Para quê um homem se tornaria mais digno se as mulheres se mostram atualmente indígnas, e pior, se mostram mais atraídas pelos piores representantes dos homens na sociedade?

O vazio existencial continua.

O homem ainda sente a necessidade de aprimoramento por uma causa.

Nesse desespero, eles procuram essa felicidade de realização em qualquer porcaria que encontram, como por exemplos jogos de video games.

É simples. No jogo, ele fantasiosamente encontra a satisfação em se aprimorar. Nele, ele encontra o reconhecimento gratificante que não recebe nem das mulheres nem do mercado de trabalho de país de terceiro mundo.

Nesse mundo fantasioso, ele é “O Cara”, e trabalha sempre para continuar sendo.

Esses homens não conheceram a Real. Eles estão perdidos procurando se encontrar nesse novo cenário.

A Real é uma bóia salva vidas. Ela apresenta uma nova fonte de felicidade existencial para o homem, uma que a natureza ou a sociedade nunca apresentaram a ele.

A felicidade existencial do homem está em transcender a própria Matrix, em tornar-se senhor de si mesmo, mestre do próprio destino.

Assim são formados os Homens Guerreiros da Real, conhecedores de si mesmos.

Todo o resto dos homens dessa sociedade não passam de bucha de canhão, escravos, e capachos dignos de piedade.

fonte: http://forum.bufalo.info/showthread.php?tid=2253&pid=29505#pid29505

8 comentários

Pular para o formulário de comentário

  1. DEATH BRINGER

    ”A felicidade existencial do homem está em transcender a própria Matrix, em tornar-se senhor de si mesmo, mestre do próprio destino.”

    puro existencialismo de kierkegaard, adorei a frase. eu realmente precisava ler. o vazio existencial vem do abandono da mulher que prefere cafajestes, caras poderosos e cruéis. do vazio existencial se cai no pessimismo/depressão, do pessimismo se ve num beco sem saída e cai na fantasia/videogames/arte coisas do tipo, e so se transcende a fantasia pelo existencialismo que você colou aqui, se tornar senhor de si mesmo e do próprio destino.

    por isso eu destesto essas porcarias de tradicionalismo e eurasianismo que tao invadindo o brasil com essas ideias, eles são contra o individualismo, contra o existencialismo e tentam colocar as ideias marxistas e natureza russa dentro do ocidente que nunca marxista por natureza. o homem ocidental, principalmente viking, era o extremo da individualidade, eram os aristocratras dos antigos impérios da américa central e do sul nos tempos pré-colombianos de onde só sobraram ruínas pois pouco procriavam, oposto ao homem cultural escravo do coletivo que se multiplica em bilhões pelo mundo criando miséria. a groelandia é o extremo oposto da índia.

  2. WarBandit

    Conheço e pratico a real em minha vida, busco meu desenvolvimento e adoro jogar em minhas horas livres, mas é exatamente assim que funciona, nos games nos tornamos fortes e poderosos então na vida real somos uns zé ninguém.

  3. Gustavo

    Os únicos mais ou menos imunes, são os caras mais intelectuais (não nerds), mas eles são exemplos de caras da Real? acho que não!

  4. Fabio Kgn

    Eu tabem jogo mesmo jogo que ele. sobre texto esta certo . dia estava saido menina parei de joga praticamente. depois tive mais nada voltei joga qual loco trabalho casa e jogo

  5. Don Corleone

    Quem assistiu o fantástico ontem viu a maior manginisse e puxassaquisse de mulheres jamais passadas nesse programa. Começaram mostrando adolescentes que foram parar no hospital quando descobriram que o Luan Santana tava namorando. Um rapaz ou homem jovem que viu a cena daquelas garotas se despedaçando pelo Luan vai se perguntar: porque eu farei algo pelas mulheres se elas estão chorando por cantores? Depois passaram a reportagem das mulheres lindas, inteligentes, corajosas e super-poderosas que são delegadas de polícia. Uma exaltação sem limites das mulheres, passando a mensagem subliminar que elas são melhores que os homens. E pra finalizar com chave de ouro, uma matéria sobre a vestimenta das piriguetes do morro. Mostraram jovens rebolando até o chão e achando lindo se vestirem e agirem de modo vulgar. Essa é a mensagem que se passa a população: mulheres decididas, poderosas e que suas maneiras vulgares são expressões de liberdade, de modernidade. Tive que tomar um sonrisal porque meu estômago embrulhou todo com aquele vaginismo todo

    1. andre-desbravador

      sim a varias mulheres delegadas, mas eu quero ver na hora d e peitar bandindo armado com fuzil, s e as super poderosas tomam a frente de combate. isso realmente é o reflexo da d ecadencia do homem moderno, onde o cara vive em prol de vaginas, tudo que o homem atual faz é para atrair bucetas, enquanto isso elas estudam e studam e estão dominando o mercado de trabalho, pois sabem que mangina é um produto inesgotavel tem d e monte por ai, a coisa ta tão feia que tem camarada assumindo relacionamentos serio com balzacas rodadas, piriguetes arrombadas, coroas cheias d e pelanca, mães solteiras, enfim o homem moderno ta pegando qualquer lixo, enquanto isso elas classificam homens como comedores, mangininhas salva putas, ou provedores.

    2. Wesley Ferreira (@WesleyCanada)

      Cara, eu não assisti o fantástico e muito pouco vejo TV mas já percebo isso ha um tempo. Estou vendo cada vez mais sobre isso de que a mulher é a decidida e a fodona, que os caras atuais tem medo delas, blá blá blá, das vulgo mulheres “independentes” dependentes do ar-condicionado. O pior não é isso, o pior é olhar para os homens que estão cada vez mais capados mentais sendo verdadeiros bostas capachos manginas pra pegar essas “novas” mulheres carreiristas e entrando na Matrix. Vejo caras que sub-concientemente vão ser donas de casa só pra ter a mulher moderna que está preocupada muito mais no profissional e independência que em formar família e ser uma mãe presente pros filhos mesmo que isso custe a carreira, a principal causa disso é do homem atual que deixa tudo isso acontecer achando bonito e dando a proteção pra elas na hora do aperto, mulher independente é sempre dependente caso o homem não concorde, nós é que permitimos isso sendo pseudo-homens e as vezes muitos tendo vergonha de ser homem, de mostrar sua masculinidade pedindo desculpa por ser homem, absurdo!.
      Não caia na Matrix… não tenha vergonha de ser homem!. Não seja um marido idiota útil que ela se casou só pra te ter como um lava louça provedor bom para os filhos dela e ela dar uma escapadinha com um Homem de verdade, seja mais Homem! faça coisas de Homem sem ter vergonha disso ou achar que o comportamento homem moderno afeminado é o correto. Não seja um Edu Guedes enquanto elas se masturbam pensando no Vin Diesel!!
      Hoje em dia com o mundo moderno e mais seguro as mulheres estão se posicionando em todos os cantos profissionais tomando o lugar do homem como meta e objetivo de vida só pra mostrar que é igual e independente mas todas essas profissões como policiais, delegadas, etc. ainda são protegidas pelos próprios homens, muitos deles manginas que estão dando tiro no próprio pé. Ser independente debaixo do ar-condicionado é fácil, quero ver no fronte!.
      Ainda mais… vejo homens cada vez mais tendo dificuldades em arrumar emprego nas áreas que estão sendo dominadas por mulheres como a administrativa, os salários também já não são os mesmos e a mulher está ganhando igual o homem nestas áreas, não que ela alcançou o mesmo salário mas sim que o salário estagnou ou até baixou já que é mais barato contratar uma mulher por qualquer salário que ela aceita que contratar um pai de família que sai mais caro e ainda é considerado ogro, ultrapassado, machista, rústico, etc, etc.. o pior é saber que os próprios empresários homens estão discriminando eles mesmos.
      Acorda homem, seja mais Homem! participe de rodas pra Homens, converta seu amigo em Homem, não tenha vergonha de ser Homem pra ser um lava louça de balzacas carreiristas.

  6. Leo Philalethes

    Me identifiquei muito com esse texto porque durante a pré-adolescência e até mais ou menos os 13 anos, era viciado em videogames. Justamente porque minha vida carecia de sentido, de metas e de qualquer outro tipo de lazer.

    Acho que, atualmente, os homens adolescentes estão numa situação muito difícil. São proibidos de trabalhar, são encarcerados metade do dia em escolas deficientes (para não dizer inúteis!) e onde o bullying corre solto, têm famílias deprimentes (onde a mãe vive reclamando e descontando as frustrações nos filhos) etc. É uma vida sem propósito, sem liberdade, sem paz e sem dinheiro.

    Aí o cara acaba se refugiando nos videogames mesmo.

Deixe uma resposta

Switch to mobile version
%d blogueiros gostam disto: