«

»

jan 22 2013

Elas estão desesperadas

srchronos

Não deixe de ouvir a Edição Especial do Jornal da Real – Real Rural

*Reuni três pequenos relatos do site Mirror of the Soul porque me lembrou algumas situações que já presenciei. Sem contar também que esta histeria toda me lembra a repercussão que o vídeo que algumas mulheres evangélicas fizeram sobre as carreiristas (vídeo aqui: http://www.youtube.com/watch?v=qaW9GzNts-A) Interessante notar o ódio das carreiristas (pelas estatísticas do Youtube, as que mais viram foram mulheres de +25 anos (ou seja, já ali no Cabo da Boa Esperança da vida). O desespero em tentar se iludir com uma vida que não vai levá-las a nada construitivo chega a me deliciar! Um brinde a Sr. Chronos!

Um pouco desesperada, hm?

Estava saindo com uma carreirista certa vez que ficou doida quando eu falei que não estava interessado em nada sério com ela, mas ela continuou me importunando com isso querendo saber os motivos do meu desinteresse.

Frustrada com a situação, ela me diz, “Você quer que eu termine sozinha com um gato?” “Ah meu deus, você quer!”

Eu ri até não aguentar mais.

Esta não foi a primeira vez que eu ouvi uma mulher fazer uma correlação entre ser solteira e ter gatos, mas foi extremamente engraçado assistí-la dizer isto acompanhado de sua expressão facial.

Elas já estão percebendo que este cenário tenebroso pode vir a atingí-las e já os associam com os gatos.

Voltando a esta mulher, ela é uma doida certificada e tem até um atestado provando isto, mas de novo, é algo normal para a mulher moderna ser confusa, desanimada, emocionalmente perturbada, mentalmente instável, etc, tudo o que uma indústria farmacêutica pode adorar. (NT: como sempre gosto de falar, comecem a pesquisar sobre as ações de empresas farmacêuticas que produzem antidepressivos e afins. É lucro quase garantido!)

Enquanto ria de forma incontrolável, frustrada ela me dizia “Do que está rindo?” e acrescentou “Isto não é engraçado!” e mais ainda “Você não entende que eu quero ter uma família e filhos?”

Tal conversa estava indo do ridículo ao absurdo, e não estava afim de continuar com isso, então eu respondi a ela com uma das minhas respotas padrão: “Isso é legal, você é uma mulher bonita, eu sei algum homem irá te achar interessante e irá querer formar uma família com você.”

Deixando claro a minha rejeição, ela então dispara que sou “mesquinho” e que morreria sozinho, ao qual respondi “Bacana.”

Se eu ganhasse uma moeda a cada vez que eu ouvisse uma mulher que eu rejeitei me dizer que eu sou mesquinho e que morrerei sozinho, eu já estaria com 1 milhão em mãos agora.

A conversa finalmente terminou de forma absurda, com ela ainda querendo que eu reconsiderasse a decisão de sair com ela quando eu amadurecesse… ah sim, como poderia ter esquecido de usar tal tática de intimidação… é como se eu estivesse usando alguma roupa colada verde e voando pela Terra do Nunca com alguma fadinha gostosa semi nua me acompanhando.

Mesmo que ela ainda consiga encontrar algum otário para a sustentar, isto é algo que fica cada dia mais questionável ao saber que cada vez mais o homem está descobrindo a enganação que são os relacionamentos, o casamento e o divórcio, mas tenha certeza, ela é que não vai me explorar… e a Terra do Nunca não me parece ser tão má assim. Agora só tenho que descobrir como faço para voar…

Mulheres fortes e independentes… aparentemente, é claro

Presenciei outra carreirista desmoronando outra vez, mas pelo menos ela sabia a causa disto, e eu transcrevo aqui seu pequeno monólogo para mim:

“Eu odeio o feminismo, eu odeio nossa sociedade… olhe para nossa sociedade… os homens não sabem mais ser homens e as mulheres não sabem ser mulheres, todo mundo se odeia… tá tudo bagunçado. Tenho 35 anos, eu odeio meu emprego, eu odeio meus colegas de trabalho, eu não tenho namorado, sem filhos… irei morrer velha e sozinha.”

Depois deste monólogo, ela começou a chorar… por bastante tempo… como uma garotinha – temos aqui ela chorando perante mim – manifestando os mais de 40 anos de feminismo? Ou igualdade? Ou força? Ou independência?

Sua derrota é total… posta em xeque pela realidade de sua situação.

Ainda, não é só ela, mas eu suponho que muitas outras devem pensar algo semelhante – está escancarado para quem quiser ver – gatos, solidão e a amargura… não necessariamente nesta ordem é claro. Isto pode piorar… se proteja.

Também, temos aquelas se aproximando dos 30, elas também vêem esta situação, mas de forma interessante elas estão se dobrando à pressão da greve de casamento – que se espalha e cresce a cada dia que passa.

Por exemplo, tem outra conhecida minha, perto dos 30, que nem cogita mais se casar porque ela já sabe que os homens não estão caindo mais nessa. Ela está desesperada para arrumar um homem que pelo menos a considere sua namorada, e a possibilidade de talvez ter filhos. O mais interessante de tudo é que esta mulher é muito atraente e não é aquela tradicional vaca gorda reclamona das quais já nos habituamos ver. Parece que o estoque de otários está chegando ao fim. A verdade é que a mulher – de todos os tipos – está começando a notar que o casamento está natimorto, é algo interessante que ando notando.

Ainda temos uma 3ª conhecida minha, com qual eu saio regularmente – que também percebeu que o casamento já é uma expectativa muito alta – de uma lado ela me incomoda as vezes porque eu quero ter uma vida produtiva perseguindo os meus objetivos pessoais e ela quer que a experiência masculina (eu) se una com o temperamento feminino (ela), mas eu quero ficar só com a experiência masculina e ignorar o resto – mas por outro lado ela é uma cozinheira muito boa e transa muito bem. Na verdade, estas duas coisas era o que ensinavam as mulheres para fazê-las manter um homem feliz – estômago cheio e saco vazio… aparentemente isto fazia ambos felizes no passado… obviamente, algo que o feminismo e sua alegada luta pela igualdade entre os sexos fez questão de matar.

Outro desabamento

Outra carreirista desabou na minha frente outro dia enquanto eu ficava girando na minha grande cadeira executiva contemplando a dominação mundial e desejoso de comprar a Wall Street pelo preço de um conhaque barato.

Ela estava muito nervosa e cheia de raiva do mundo e de alguma forma resolveu direcionar sua frustração em mim, o que me fez informar de pronto o chefe dela falando para jamais tirar o olho dela de novo porque não é minha responsabilidade cuidar da vidinha miserável dela.

A máscara já caiu pelo que estou vendo. Tais mulheres nem conseguem mais fingir a felicidade ou a tranquilidade mais em nome do decoro público – e o pior – elas tentam roubar a sua real felicidade e tranquilidade! Todo mundo tem que ser miserável que nem ela, e elas odeiam aqueles que não são. Tudo isto é uma questão de ódio a si mesmo que elas querem projetar nos demais.

Eu acho que isto se explica porque nossos engenheiros sociais do Ocidente tentaram transformá-las em homens e botá-los contra eles numa manobra de poder para aumentar a dependência delas ao Estado, e tal experimento deu terrivelmente errado, com tais mulheres sendo a prova viva disto.

É claro,  ainda impuseram que o homem deveria agir mais como a mulher, o que só fez aumentar a confusão. O homem moderno foi feito para ser efeminado e dócil,  o que só coloca mais uma pedra no sapato da mulher moderna que é mais masculina que eles.

O Homem de Verdade (TM), pela definição da mulher moderna, é o cavalheiro – ou seja, o cara que se dobra aos pontos de vista femininos e suas reclamações – é uma invenção de sua imaginação, um sonho de proporções mitológicas que deveria ficar confinado apenas aos seus livros de romance que elas fantasiam durante seu expediente no escritório.

Então com tal a sinfonia da confusão descrita acima, nós achamos a raiz do problema da raiva que a mulher moderna tanto sente.

E os homens, tão confusos quanto elas, aceitam tal figura cavalheiresca como definição de Homem de Verdade (TM) – já que o homem costuma pensa que a mulher é o nosso norte moral – “Se a mulher disse assim, deve ser isto mesmo.” Assim, nós vemos tais homens num esforço masoquista  de receber toda essa raiva da mulher moderna para si mesmos… e eles são bem vindos para aproveitar este furacão de caos de tais mulheres – enquanto eu e tantos outros simplesmente assistem numa boa esse desabamento… de preferência num lugar desconhecido e bem longe para evitar alguma contaminação.

Por outro lado, todo mundo tem uma escolha – homem e mulher, aonde eles decidem se querem seguir as “recomendações” destes engenheiros sociais ou não. O sistema só pode existir enquanto tiver gente que acredita nele.

As escolhas ditam o futuro, e as escolhas do passado ditam o presente. Assim, é aí que a mulher moderna se encontra, uma síntese de péssimas escolhas que não podem ser responsabilizadas por nada ou ninguém além dela – como elas sempre tentam fazer.

Ela irá gritar clamando que “não tem mais homem no mercado” ou irá exigir “compromisso” e “responsabilidade” de todos os homens, mas eles não estão nem aí mais, eles foram embora, pularam fora desta canoa furada e estão mais preocupados com coisas melhores que os beneficiem.

A única coisa sensata a fazer é deixar tais mulheres modernas desabarem, de forma definitiva, já que não há porque se envolver em algo de tal magnitude – algo que pode até destruí-lo no processo.

fonte 1: http://mirrorofthesoul.blogspot.com.br/2007_04_01_archive.html#3126121254782021209

fonte 2: http://mirrorofthesoul.blogspot.com.br/2008_01_01_archive.html#8676603010642731879

fonte 3: http://mirrorofthesoul.blogspot.com/2008_09_01_archive.html#4850285533535043994

16 comentários

Pular para o formulário de comentário

  1. Um texto que relata a mais pura e simples realidade, não é à toa que muitas feministas de internet tentam sufocar essa verdade.

  2. Hello Kitty

    Texto com ar conclusivo. Mas não fique otimista, o poço só para de afundar quando chega no fundo.

  3. Renato

    Ano passado mesmo comi umas duas balzacas….enchi elas de esperança e depois créu,me fiz de bobinho,elas acham que só porque sou mais novo que elas eu sou “carente”…hehehehe

    Com a outra eu praticamente fui “intimidado” após o sexo a “namorar sério” com ela,ela ficou seríssima e fechou a cara,disse que “a partir de cara queria sossegar,estabilizar”………e eu disse “- e eu com isso? você perde sua juventude com cafajeste e agora eu que tenho que segurar o rojão ??”…

    Hhehehaha me xingou,tentou me intimidar com “voce é criança,não é um homem…” e eu cagando e andando….hehehe

    1. Luiz

      Excelente. Só imagino a cara dela. Tentou te prender atraves do sexo… mas não deu muito certo. hehe

    2. Roberto

      Perfeito companheiro, essas safadas e aproveitadoras merecem isso mesmo.

  4. andre_desbravador

    eu quero que se fodam, apesar que na sociedade a tual onde predomina o conforto em todos aspectos, proporcianado pelo homem é claro, a mulé ainda tem muitas regalias mesmo d epois dos 30 40 50 anos pois sempre havera um mangina solitario louco pra salva-las da solidão concerteza a maioria desses csp são homens de baixa renda e baixo valor pra elas, e ainda vão sofrer inferninhos emocionais, não vejo futuro em casamento atualmente a melhor jogada é viver de boa, pro cara esperto e desapegado da matrix podera fuder varias balzacas e coroas arrombadas.

    1. INTERESSADO

      E ainda mais que elas tem um fogo muito maior que qualquer novinha. E são bem mais experientes também.

  5. Jumento

    Ja se tornou um hábito, todos os dias, passar por este blog.
    Excelente conteúdo! Aos poucos, a mente se abre para a REALidade.

  6. Rooster

    Excelente texto, Barão!

  7. Renato

    Barão,aqui mais uma noticia para você comentar num outro jornal da real talvez:

    http://blogdoperrone.blogosfera.uol.com.br/2013/01/justica-obriga-jogador-do-santos-a-pagar-pensao-para-comissaria-gravida/

    O cara tem que pagar MESMO SEM SABER SE É O PAI,e se depois que nasce não é?? como fica?

    1. Brasileiro

      Se o cara for esperto, notará que há um teste de paternidade que identifica o DNA do feto no sangue da mãe e, portanto, permite saber quem é o pai ainda antes de nascer e sem usar a amniocentese (uma vez que este é procedimento traumático e que pode gerar aborto espontâneo). Se o cara souber isso, pede para a mulher que diz esperar um filho dele para que tire sangue, identifique-se o DNA do feto e, se for mesmo filho dele, assume a paternidade sem maiores problemas. Se não for, já tem argumentos mais do que suficientes para cortar os alimentos gravídicos.

      1. Smasher

        Ele vai pagar. Jogador é tudo meio burro, e vai pagar.

  8. Don Corleone

    Só que isto não vai mudar. As mulheres até perto de seus 30 anos vivem num mundo paralelo, com muito narcisismo, auto-suficiência e senso de poder. Essas ainda vão naufragar daqui uns anos. Mas, para os homens bem resolvidos que não querem casar tá muito bom, tem bastante mulher disponível na faixa de 30 anos ou mais.

  9. BERNARDO

    O ser mais utilitarista do mundo, incentivador de todos os Bullings, malicioso, perverso ( pois quem se identifica ao bullier é o que?) neste momento de sucesso do Marxismo cultural e sua vertente, o feminismo, contra a família tradicional e contra tudo que é saudável, Este ser depois de ter sucesso em tudo “superar” o homem no mercado de trabalho (afinal elas não precisam de nós para nada, não é amigas?) Este ser esta neste momento da história, triste, desesperada com medo certo de ficar o resto da vida solitária, com a companhia, não tão fiel, de gatos, para acompanhar sua velhice estúpida.

    E querem que nós los machos, sim aqueles que não valem para nada, desvalidos, que não prestam, que devem apenas se fuder na vida… querem que nós num ato de desespero venhamos a casar convosco? KKKKKKKKKKK

    Adorei cada parte da leitura deste texto. baba baby!!!

    1. Rider

      Detalhe que o Barão não escreveu, é que esses artigos são de 2008.

      *beat*

      Imagine como deve estar a situação lá agora… :troll:

  10. C.J

    Foda!

Deixe uma resposta

Switch to mobile version
%d blogueiros gostam disto: