«

»

jun 19 2012

A tática da triangulação

por Antifeministtech, para o The-Spearhead.com

Já vimos alguma vez tais frases:

“Vocês masculinistas/MRA/MGTOW/etc são tão ruins quanto feministas.

Eu quero achar algo mais neutro.

Precisamos ignorar os extremistas de ambos os lados”

Sempre quando ouvir algo assim, isto não é uma afirmação de fato. Mas sim uma triangulação. O que seria uma triangulação? É quando alguém alega que está “acima” ou “entre” a direita e a esquerda numa questão política ou em outra questão. A triangulação foi popularizada por Bill Clinton, mas ele está longe de ser o único a usá-la. Barack Obama também se usou muito dela. Nem Clinton ou Obama realmente acreditavam em uma política que estava “acima” ou “entre” a direita e a esquerda. Ambos são esquerdistas e usaram da triangulação para se elegerem. Isto é bem óbvio com Obama que durante sua campanha vivia falando sobre “mudanças” e uma “nova política (não ideológica)”, mas claramente governa como um esquerdista.

3 comentários

  1. Di

    O que todo masculinista deveria saber é que grande parte da opressão contra homens tem a sua origem no bullyng e misandria entre homens. Sim os homens são os mais misândricos que existem e admiro ver alguns masculinistas atacando todo feminismo, como se esse fosse a toda a fonte do seu problema. O bullyng deixa muito rancor, conheço alguns homens heterossexuais muito rancorosos e misândricos por causa do bullyng que sofreram por parte de outro homem, mais tarde buscam profissões de poder e na primeira oportunidade vingam-se de homens. Normalmente esse ódio é implícito pois quem em sã consciência odiaria explicitamente outros homens sendo homem? Seria chamado de gay e doente mental. Acordem, vocês podem ver isso todos os dias. Cito o seguinte comentário feito por uma outra pessoa: “Digo que homens e mulheres são misândricos. Mas homens são mais do que as mulheres. The Truth já falava sobre isso que o homem tem nojo de outros homens ele diria até que “os maiores inimigos dos homens na verdade não são as mulheres, mas os próprios homens”. Palavras dele. Cansei de ser mal atendido por homens em balcões de funcionalismo público, lanchonetes, Açougues, Serviços de mecânica (um inclusive quase partiu para briga comigo,literalmente, por que o serviço dele estava falho. Ele arrumou a moto Num dia e no outro ela estava com o mesmo problema…Eu tive que tem muito sangue frio! Outra pessoa qualquer cairia na porrada). Um dia num restaurante quase que uma turma de negros caçou briga comigo do nada! Eles fizeram tudo para eu reagir, inclusive esbarrando os ombros em mim propositavelmente para cairem os 5 em cima de mim, mesmo eu no início tendo sido educado com eles. Eu já notei isso! Quando o atendente é homem, se você for homem alguns nem lhe dirigem palavra, acenam a cabeça como querendo perguntar: “o que você quer?” mas se você for uma mulher,mesmo sendo senhora, ele é educado com ela. E Há uma relação inversa de quanto mais educado você é com esses jumentos mais eles te desprezam e caçam briga contigo. Por que a educação, polidêz presume na lógica cavalar dessas jumentopéias que: ele é fraco. Portanto Podemos agredí-lo para elevar nosso ego. Homens e mulheres pensam assim más…os maiores perpetradores de Bulying quem são? São justamente homens. Aqui no contexto da real aposto que não tem um que nunca sofreu esse tipo de assédio por parte de outros homens. Com a ressalva que antes, haveria uma “tregua” entre os homens. Não tinha essa competição louca entre homens. Nas gerações por vindouras a misandria e o bullying só vai aumentar.Portanto se fortaleça, prepare-se para o pior!” Essas palavras não são minhas mas as tirei de um comentário disponível em: http://canal.bufalo.info/2012/10/o-cinemark-misandrico-de-obama/. Combatam o bullyng pois estamos caindo num poço de ódio tão cruel. Há quem acredite até que foram homens manginas MAN+VAGINA que incitaram o ódio das mulheres contra os homens.

  2. Ricardo Dionisio

    Na minha opinião, o masculinismo está certo. Mas, se ver que em ponto uma feminista tem razão, temos que concordar, certo?
    Não aceito que façam essa média. Por exemplo, um pedófilo pode querer abusar de crianças de qualquer idade e propõe um consenso e concorda em abusar apenas das que tem mais de 5 (cinco) anos. Temos que aceitar esse consenso?!
    Reconhecer o erro quando estamos errados e JAMAIS aceitar a injustiça e a exploração.
    O masculinismo/machismo esclarecido deve ser algo bom para homens e mulheres.

    1. Barãozin

      O problema é elas falarem algo de correto rs

Deixe uma resposta

Switch to mobile version
%d blogueiros gostam disto: