«

»

mar 19 2012

Você é mediano? Sua vida é difícil?

por Tigre Branco, usuário do Fórum Homens Realistas

Como boa parte dos leitores, considero-me mediano, mato um leão por dia, tenho muitos problemas, defeitos…

Tem horas que o desânimo toma conta. Um sentimento de entrega total, de desistência…

Mas algo dentro de mim, diz que eu não devo me entregar. Eu não tenho permissão pra isso!

Não sei direito o que é… talvez seja a chama da real combinado ao orgulho de ser homem. O orgulho que a testosterona nos dá.

Uma vez vindo à este mundo, devemos dar valor à vida. E lutar por ela.

Nos momentos de maior dificuldade e aflição, eu gosto muito de me apegar à bons exemplos. À alimentar uma esperança de que pra tudo há saída.

Um exemplo de superação máxima de um homem que eu respeito muito são os filmes do lutador de boxe Rocky Balboa.

Rocky, era o típico lutador que tinha uma aparência ligeiramente mediana, comparado aos seus oponentes. E estava muitas vezes em situações desfavoráveis. Como por exemplo, lutar na própria casa do adversário. Mas isso não o segurava… isso não o intimidava.

Pra quem procura motivação, aí está a mina de ouro:

Pra mim Rocky é um exemplo digno de coragem, raça, honra e orgulho masculino. O Rocky demonstra perfeitamente aquela chama interior que todo homem deve ter enquanto em vida, aquela vontade de vencer, de resistir e não admitir que lhe pisem!

Quando o pessimismo e a sensação de vitimismo começa à tomar conta de mim, eu assisto trechos deste maravilhoso filme, e a vergonha combinada com a indignação toma conta de mim.

Por mais desfavoráveis que seja a nossa situação, você deve enfrentá-las, apanhando, batendo, suando, sangrando, gemendo, mas resista! Rocky resistiu bravamente como um búfalo, como um trator! E não sossegou enquanto não jogou seu maior problema no chão!

O mundo politicamente correto e hipócrita joga na nossa cara todos os dias de que temos que ter mais “sensibilidade e compreensão”…

Sensibilidade é o caralho! Isso só nos torna fracos! Nos faz sofrer e ir à derrota…

Nunca vou esquecer da sugestão que o treinador repetia juntamente com o Rocky nos intervalos das lutas:

“Sem dor!”
“Sem dor!”
“Sem dor!”

Tú homem é que tens a obrigação de carregar o mundo nas costas. Então não podes se dar ao luxo de cultivar sensibilidade!

O homem deve atingir o ponto mais próximo possível de uma rocha.

A insensibilidade combinada com a honra e o bem, devem fazer parte do nosso repertório mental de evolução.

Rocky nos mostra perfeitamente os pontos positivos dessas características masculinas no homem.

Recomendo veemente pra galera jovem que nunca chegou à conhecer esta série de filmes, que dê essa chance e assista-os.

Lições de real do começo ao fim.

Sejamos cada um de nós, no dia a dia, um Rocky Balboa.

Obrigado Silvester Stallone. Tú foste como um professor pra mim.

fonte: http://forum.homensrealistas.info/viewtopic.php?f=14&t=770

7 comentários

Pular para o formulário de comentário

  1. Wander (Dream)

    Esse texto me lembra muito os textos do Silvio. Parabéns.

  2. Sorine

    Cara esse texto e esse vídeo são demais! Me enchi de orgulho lendo esse texto e vendo o vídeo!

  3. BlaX

    as vezes também me sinto desanimado, mas, graças a DEUS, a testosterona me salva.

  4. Rafael

    Ótimo texto, este filme é realmente muito motivador.

  5. Carlos - RS

    O que seria um “mediano”? Homem + ou -?

    Na real só viríamos quem é quem com o fim do sistema monetário.

    1. Barãozin

      Um homem médio. Nem destacado, e nem um total perdedor.

      1. Carlos - RS

        Neste caso, o mediano sempre terá algumas opções de mulheres, pior é o cara que não tem nenhuma opção.

Deixe uma resposta

Switch to mobile version
%d blogueiros gostam disto: