«

»

mar 13 2012

Pesquisa demonstra que mulheres se sentem felizes quando seus parceiros estão nervosos

por James Orr, da Telegragraph.

Um estudo detalhado demonstrou que namoradas ou esposas se sentem bem ao ver que seus parceiros demonstraram emoções por que elas acreditam que isto constasta que o relacionamento vai bem.

A pesquisa, feita pela Escola de Medicina de Harvard, demonstrou também que quando um homem percebe que sua parceira está nervosa elas ficam mais satisfeitas, enquanto os homens não.

Foi revelado também que a maioria das mulheres gostam de ver seus parceiros insatisfeitos, por que isso demonstra seu grande “envolvimento” ou “investimento” na relação.

Dr Shiri Cohen, responsável pelo estudo, afirma: “pode ser que para a mulher ver que seu parceiro está nervoso reflete que ele tem algum grau de investimento e envolvimento emocional do homem, mesmo durante tempos difíceis.

“Isto é consistente com o que é sabido sobre a insatisfação feminina quanto nota que seu parceiro se torna emocionalmente distante e não se envolve em resposta a um conflito.”

O estudo, publicado pela Associação Americana de Psicologia, recrutou 156 casais heterossexuais das mais diversas matizes.

Mais de 100 dos casais mais jovens e que vivem em centros urbanos não eram casados. Outros casais que tinham maneiras diferentes de resolverem seus conflitos também foram selecionados e os demais participantes eram pessoas mais velhas, de classe média e casados.

No total, 71% dos pesquisados eram brancos, 56% eram casados e a média de duração de seus relacionamentos eram de 3 anos e meio.

Durante o estudo,  cada participante foi solicitado a descrever um incidente que teve com seu parceiro nos últimos 2 meses que lhe deixou frustrado, desapontado ou nervoso.

Os pesquisadores gravaram o participante dando seu relato breve do acontecido e então trazia o casal para ouvirem a versão de cada um dos dois.

Era dito a eles a tentarem chegar a um melhor entendimento do acontecido, dando aproximadamente 10 minutos para discutir o incidente enquanto eles eram filmados.

O vídeo foi mostrado logo após para o casal e eles tinham que avaliar suas reações negativas e positivas usando um aparelho eletrônico.

Após isso, 6 trechos de 30 segundos das partes mais emotivas da discussão era mostrado aos participantes, que completavam questionários sobre seus sentimentos ao assistir as gravações.  A satisfação geral com a relação também foi medida, e todos os pesquisados consideraram os esforços de seus parceiros para serem compreensivos.

O estudo concluiu: “No geral, o estudo sugere que os homens se sentem melhor num relacionamento se conseguem perceber com precisão as emoções positivas de suas parceiras,  enquanto as mulheres se beneficiam unicamente quando elas conseguem notar perfeitamente as emoções negativas de seus parceiros.”

“A satisfação da mulher é mais ligada com a percepção que seus parceiros estão tentando entender suas emoções negativas do que a precisão do homem em notar tais emoções.”

fonte: http://www.telegraph.co.uk/relationships/9126265/Research-finds-women-feel-happy-when-their-husband-or-partner-is-upset.html

10 comentários

Pular para o formulário de comentário

  1. Anônimo Realista

    Nossa, como isso é verdadeiro!

    Agora mesmo uma mulher que conheço está passando por uma situação dessa e infelizmente tenho que ouvir ela (pois é da família), mas não deixo de meter a real.

    Ela fica chorando porque o cafajeste/bandido maltrata ela, mas o mais intrigante: ELA NÃO CONSEGUE LARGAR ELE.

    E bem fundo ela sente uma satisfação em ver as brigas acontecendo no relacionamento.

    Todo final de semana o cara sai pra pegar vadias e beber. E ela ta numa busca infinita pra tentar consertar ele. Pra ela é um jogo maravilhoso quando ela QUASE consegue consertar ele, aí ele se mete numa briga e volta sangrando e bebado. Ela chora temporariamente. Mas depois ainda tem coragem de falar “ele é sim o homem da minha vida”.

    Não adianta fugir, a real está aí pra quem quiser ver.

  2. nauceas

    taí, o que elas querem, nos deixar emocionamente, psicologicamente debilitados… mais nós homens, búfalos, realistas, honrados não nos deixamos cair nessa armadilha.

  3. Law

    Não generalizem. Existem muitas assim, talvez a maioria das mulheres modernas, mas não tem a ver com serem sádicas e ter prazer de fazer o homem sofrer, e, sim com o inflacionamento do ego que que isso causa a estas mulheres. Mas também existem exceções, existem boas mulheres também.

  4. não generalize

    Existem sim muitas assim, talvez a maioria das mulheres modernas, mas não tem a ver com o prazer de fazer o homem sofrer e sim com o inflacionamento do ego que isso causa a estas mulheres. Mas também existem exceções.. Existem boas mulheres também.

  5. fabio

    todo mundo fala mal dos masculinistas, mas o que acontece hoje em dia é isso. nessahan difundiu tudo, mulher tá foda hoje em dia.

  6. andre

    Por isso eu digo : “Mulher é comida para o meu pinto e só”
    concordo………..

  7. Carlos - RS

    Elas gostam disso pois estão parcialmente vencendo o “joga da paixão” citado no livro de NA

  8. BARBARO

    Nessahan em um de seus livros já dizia que há uma relação inversamente

    proporcional entre os desequilíbrios emocionais do homem, consequentemente o

    aumento dos batimentos cardíacos do homem, e o nível de “segurança” da mulher,

    Os batimentos cardíacos da mulher diminuem a medida que o homem fica mais nervoso.

    Taí a explicação biológica por que elas se sentem “seguras” ao lado de assassínos,

    estupradores, ladrões, marginais, maconheiros, bad boys, encrenqueiros, bulliers,

    cachaceiros…

  9. Renato

    Por isso eu digo : “Mulher é comida para o meu pinto e só” ..

  10. Luis

    Não tem mais o que dizer. Está provado que mulheres são problemáticas e sádicas. Se satisfazer com o nervosismo do homem, minha nossa… por isso todas aquelas birras idiotas quando está bem. Por isso aquelas mudanças de humor repentinas e ainda exigem que o cara tenha bola de cristal pra adivinhar o que se passa.

Deixe uma resposta

Switch to mobile version
%d blogueiros gostam disto: