«

»

fev 16 2012

[As regras de Tom Leykis] Não deixe ela morar com você

por Tom Leykis 

Tem muitos caras que me fazem rir. Ter a ideia que você tem que ter a última vagina que você fodeu vivendo com você é simplesmente hilário!

Pense, imbecil. Não importa o quanto você gosta de estar com ela, chegará um momento que você ficará de saco cheio de escutar as besteiras que ela fala e das coisas dela tomando seu espaço. Vai se encher de escutar as opiniões dela sobre o que você tem que fazer na sua casa. E espere até ela começar a encrencar com as coisas que você faz quando ela não está por perto! Você chega em casa bêbado e tarde, você pega outras mulheres, você trás seus amigos para casa para ver aquele jogo ou jogar vídeo game: coisas que você nem pensa sobre, você simplesmente faz. E ela não irá aprovar, e assim que ela passar a mão nas chaves de sua casa, ela irá querer que você obedeça ela.

Porque você simplesmente não fica só na foda? Porque é necessário também fazer uma conta conjunta com ela ou deixá-la ficar escolhendo os lençóis da sua cama? Você não é macho o suficiente para dizer a ela que a casa é sua?

E não me venha falando que assim você terá “sexo a hora que quiser”. Você pode ter todo o sexo que quiser agora mesmo se quiser, então nunca traga qualquer uma delas para a sua casa. Você pode ter sexo com 2 ou 3 mulheres todos os dias. Você realmente acha que vivendo com ela e o gato dela, ou ter que escutar 24 horas por dia a opinião dela em qualquer coisa é melhor do que sua situação atual?

E nem ache que ela dividirá o aluguel. Ela irá se mudar para sua casa e VOCÊ terá que pagar por tudo: aluguel, as coisas dela, aquele sofá que ela achou bonito e que queria comprar a qualquer custo, etc. Para ela, ela não está fazendo isto por amor. Isto é ela querendo tirar o dela da reta e deixando que a grana que ela ganha seja gasta inteiramente com as bobagens dela, enquanto o panaca aí terá que pagar pelos 2.

Fazer com que ela se mande é uma missão quase impossível. Por exemplo, uma vez uma mulher morou comigo e, quando descobri que ela me traia com um colega de serviço, eu mandei ela cair fora da minha casa. Ela falou “Porque você não cai fora? É meu apartamento também!” Um apartamento que eu aluguei, com a mobília que eu estava pagando. Estúpido. A última mulher que vivi ignorava quando eu mandava ela sair da minha casa. Demorou mais de um ano e meio para ela sair, e ela só se foi porque eu ajudei ela achar outra casa e ainda tive que chamar o caminhão de mudança para ela.

Eu sei muito bem, quando somos jovens, que tudo isto pode parecer exagerado. Eu tinha 17 quando eu comecei a morar junto com uma namorada e com 18 fiz a estupidez de me casar. Eu aprendi apanhando, caras. Aos 21, ela me enchia o saco para ter um filho, e se eu não tivesse os culhões para mandar ela pastar, provavelmente não estaria aqui te dando estes conselhos hoje. Meu sucesso está diretamente relacionado a mandar embora mulheres que moravam comigo ou recusar que elas viessem morar comigo. Minha trajetória só era retardada quando eu era estúpido o suficiente para permitir que uma delas viesse morar comigo.

Elas que se danem, não paguem por elas. Muito menos dê uma cópia da chave da sua casa. E jamais pague o aluguel dela.

Vamos lá, pense: o que se ganha vivendo com uma mulher, tanto faz se você for casado com ela ou não?

A verdade é, você não vai precisar comprar aquele monte de bobaginhas que ela gosta ou aquela mobília cara, sem cachorrinhos chatos ou gatos que te dão alergia, não vai precisar pagar as contas dela, o que provavelmente irá acontecer quando ela se mudar para a sua casa. Sua tv pode ficar 24 horas ligada no futebol ou MMA, seu cachorro pode se espalhar onde ele quiser e as caixas de pizza podem ficar empilhando ali no canto. Você pode colocar suas tranqueiras onde você bem entender.

Porque um homem não se contenta em simplesmente fodê-la na casa dela, vestir suas calças de volta, dizer boa noite e se mandar? Porque o homem tem essa necessidade de tratá-las como se fossem aqueles bichinhos machucados ou abandonados, assumindo um monte de responsabilidades no processo?

Admita: a razão para deixar que ela viva contigo é porque você acha que assim será uma maneira fácil e barata para meter com regularidade, ou pior ainda, é porque de alguma forma você se sente culpado por apenas comê-la e fica achando que deve algo a ela.

Achar que você deve algo a ela é risível. Você não deve nada a ela. Ela tem sexo assim como você também tem sexo. A ideia que você deve algo a ela pelo uso da vagina dela vem dos tempos em que as mulheres achavam que o orgasmo era algo desnecessário ou até mesmo impossível de se ter, então o cara simplesmente dava uma trepada de 90 segundos e tava tudo bem. Mulheres ganham algo sendo fodidas assim como você também ganha algo fodendo. Depois da foda, os dois estão quites. Não precisa pagar as contas dela depois.

Não há nada mais econômico ou eficiente que deixá-las morar nas casas delas. E conseguir sexo com regularidade não é algo tão difícil assim se, ao invés de você sempre comer a mesma mulher, você começar a formar sua própria lista de fodas fixas que podem fazer o serviço quando a mulher acima da lista não pode (ou não quis) fazer o serviço.

Quando ninguém vive com você, você não tem que aturar TPM, falta de vontade de fazer sexo, dores de cabeça ou o que mais ela alegar. Se uma vagina da lista não estiver afim, a próxima da lista pode dar conta do recado. Simples assim.

E não se esqueça que quando ela se mudar para a sua casa, será uma briga para você se livrar dela depois. Como dizia um velho comercial americano, no motel fuleiro as baratas se hospedam, mas não querem sair mais. Como falei, uma das minhas ex demorou mais de um ano e meio para dar o fora, outra simplesmente me ignorava quando mandava ela sumir. Outra só saiu da minha casa quando retirei todos os eletrodomésticos de casa e mandei cortar a luz!

Depois de tudo isso, alguém ainda pode considerar seriamente aceitar que uma mulher more com você?

fonte: http://www.leykis101.com/tip-of-the-day/dont-let-her-move-in e http://www.leykis101.com/tip-of-the-day/let-her-pay-for-her-own-place-and-her-own-responsibilities

2 comentários

  1. Marcos

    Verdade!!
    Ótimo post!!

  2. Carlos - RS

    Pura verdade, nunca morei com nenhuma mulher, para morar é fácil, pior é “desmorar”, ou seja, ela sumir da sua casa. Negócio é só trazer pro findi (jamais tenha contato direto com mulher que more com os pais e filho(s), esta é a pior bomba). Mulher dá sexo de qualidade com a expectativa de morar junto com homem que mora sozinho, depois que ela vai morar junto sossega e dá tempo para ela pensar em trair… mas também alguns homens facilitam… deixando “amigos” tendo contato com a mulher dele…

Deixe uma resposta

Switch to mobile version
%d blogueiros gostam disto: