«

»

dez 13 2011

Mulheres tatuadas – algumas considerações

Algumas considerações sobre mulheres tatuadas, feitas por Fábio Leite.

1) Ausência de tatuagem NÃO significa que a mulher é uma santa. TODO MUNDO já deve ter conhecido vadias do pior tipo que não tinham tatuagem nenhuma no corpo. Isso é óbvio demais, mas é bom falar pra fixar a mensagem.

2) Apenas o fato da mulher ter tatuagem não é atestado automático de que ela é uma vadia: é preciso analisar o DESENHO, seu SIGNIFICADO e ONDE se localiza a tatuagem pra deduzir se a garota é vagabunda ou não.

– Se a mulher tem uma tatuagem num local íntimo do corpo (virilha, parte baixa da barriga, região dos seios, bunda, xoxota, parte inferior do lombo, parte interna das coxas, entre outras), então ela teve que baixar a calcinha, afastar o sutiã, ficar nua ou seminua na frente de desconhecidos. É a GARANTIA de que ela é uma putinha e que não se importa em revelar seu corpo para pessoas não muito íntimas dela. E não interessa se o tatuador foi uma mulher: afinal, em muitos estúdios de tatuagem, é comum o entra e sai de gente das salinhas de tatuagem, então a mulher está exposta a desconhecidos. E se ela deixou tirar fotos dessa tatoo íntima para o catálogo de tatuagens do estúdio, é a prova maior de que é vadia em busca de massagens no ego (“olha como ficou linda em mim a minha tatuagem, sou foda mesmo”).

– Tatuagens em lugares mais “inocentes” (ombros, pés, panturrilha, braços, mãos, pulso, costas na altura dos ombros ou nuca) só são indícios de que a mulher, no fundo, é uma vagabunda se o desenho for chamativo demais ou tiver algum significado provocante ou denunciador (pimentas, flores muito coloridas ou exóticas, tribais trabalhados demais, laços de fita, coisas que sugiram taras, nomes de ex etc.).

– Tatuagens “fofas” (anjinhos, borboletas, ursinhos carinhosos, pokemons ou coisa do tipo) podem ter um significado maior para a menina, mas também podem indicar que ela tenta passar uma imagem de santinha ou menininha para encobrir seus atos de vadiagem.

– Cuidado com tatuagens que ficam em lugares não necessariamente íntimos mas escondidos, como as costelas, atrás da orelha e nuca: é altamente provável que as mulheres que tenham tatuagens nesses lugares (não importa o desenho) se considerem sempre como um prêmio. A lógica é simples: o homem que for “digno” e conseguir conquistá-las vai ter o “privilégio” de usufruir do corpo dela e ter a surpresa de descobrir a tatuagem nesse local escondido do corpo.

Se você quiser se relacionar com uma tatuada, pergunte sempre pelo significado da tatuagem e, principalmente, tenha OLHO VIVO pras atitudes dela. Se a tatuagem não tiver um significado e ela fez por modinha ou influência… já viu.

 

1 comentário

  1. Vingador

    Tá aí uma pesquisa que comprova as palavras do Barão http://www.folhadoes.com/site/pagina_interna.asp?nID=24938
    Sexta 11:21

Deixe uma resposta

Switch to mobile version
%d blogueiros gostam disto: