«

»

dez 04 2011

Mulheres e chimpanzés – Parte 2

Não leu a 1ª parte? Clique aqui!

por Angry Harry

Além da força e do tamanho, há mais 2 qualidades que contribuirão muito para a sobrevivência da linhagem de um macho alfa:

  1. Ele precisa ficar muito atraído sexualmente pelas fêmeas e e não machucá-las, tomando cuidado pra não usar muito a força bruta. Ou seja, ele precisa ser afetado fortemente pelos sinais enviados pelas fêmeas para ser pacificado.
  2. Quanto mais ele copular por aí e o quanto mais fêmes ele engravidar, melhor!

Há, obviamente, algumas qualidades que beneficiariam ambos no processo evolutivo. Por exemplo, o quanto mais protetor os machos mais velhos são com os mais novos, mais chances tem que suas crias sobrevivam.

(Entretanto, chimpanzés machos não ligam muito para seus filhotes.)

Mas há diferenças distintas entre machos e fêmeas de chimpanzés quando o assunto é quais qualidades são significantes em determinar a longevidade de sua linhagem.

O macho alfa bem sucedido basicamente vence na base da força bruta – ou na ameaça de usá-la – e no seu apetite sexual. As fêmeas bem sucedidas são aquelas que conseguem ter sexo com essas bestas feras e conseguem ir manipulando eles para poder ter uma vida mais tranquila.

A diferença fundamental quando se compara ambos é que a fêmea bem sucedida tem que ser capaz tanto de atrair e controlar o comportamento do macho alfa (senão, elas estariam numa bela enrascada, evolucionariamente falando) sem ter que usar da força, enquanto o contrário não acontece – afinal, o macho alfa pode simplesmente ter o que quiser na base da força bruta.

E é importante notar que as fêmeas que adotam a estratégia de evitar contato com machos alfa tem pouca chance de sucesso. Ao contrário, aquelas que ficam ao redor de machos alfa são aquelas que serão inseminadas por eles. E tendo em mente que as fêmeas de chimpanzé não conseguiriam entender a conexão entre sexo e a qualidade de suas crias, a ÚNICA razão plausível para elas ficarem por perto de machos alfa é porque elas gostam de fazer isso!

Na verdade – como já vimos anteriormente – elas amam isso! De fato, mais de 40 vezes ao dia.

Mas estas fêmeas estão brincando com fogo. Elas tem que estar dispostas a dar sinais que protegem elas de um ataque iminente. E a melhor (e única) forma para isso é fingir que é inofensiva. E o quanto mais vulnerável e fraca ela se mostra para o macho alfa, menos vontade de atacar o macho terá.

E, dizendo sem meias palavras, é por isso que as mulheres são bem parecidas com crianças em muitos aspectos – voz fina, pouco pelo, pele macia, corpo mais arredondado e é claro, birras imbecis. A idéia é parecer vulnerável – igual uma criança.

Do ponto do vista do macho alfa, sua linhagem estará mais garantida se ele engravidar tais fêmeas. E ele terá filhotes que também são sexualmente atraídos pelo mesmo tipo de chimpanzé fêmea – aquelas que aparentam ser vulneráveis e que ficam andando ao redor deles e os “seduzem”, oferecendo alegremente seus serviços de uma maneira pacífica.

Exatamente como as groupies!

Chimpanzé feminista

Machos alfa que tem um ponto de vista diferente disto no que concerne os atrativos sexuais preferidos que ele gosta de ver em suas fêmeas terão alguns problemas. Se ele prefere fêmeas mais arredias e dominantes (algo como uma versão feminista das chimpanzés) sua linhagem com certeza será bem menor.

Também não há esperança para eles!

(E é por isso que, felizmente, as mulheres que seu cérebro tem uma tendência de ter um ponto de vista mais feminista estão fadadas a extinção, assim como os fracotes chorões. Este tipo de gente não tem muito o que oferecer ao mundo dos humanos, do ponto de vista da evolução ou da sobrevivência. Eles são um beco sem saída. Uma falha evolutiva. Um erro irritante.)

Mas há de se notar que os machos que acabam por produzir uma linhagem longa são feitos para ser manipulados por mulheres com aparência frágil. Eles são feitos para se encantarem por elas.

Aqueles que não caem nos encantos femininos, tem bem menos chances de procriar.

É isso aí, caras.

Vocês são feitos pela natureza para agirem feito paspalhos e serem enganados pelas mulheres.

Você nasceu para isso!

E assim foi como os chimpanzés evoluíram até o que são hoje.

Os machos são extremamente sexuais e agressivos e querem copular com fêmeas que estão ali por perto e que pareçam fracas e inofensivas.

As fêmeas simplesmente adoram trepar com machos alfa que elas conseguem atrair (lembre-se, os machos não necessitam atrair, eles podem usar a força para isso) para assim conseguirem ter uma vida tranquila.

Na verdade, isto parece ser o seu maior prazer na vida.

Mais de 40 vezes num dia. Mais de 40 vezes!

Os machos de chimpanzés competem um com o outro para ter acesso as fêmeas principalmente via atos agressivos e intimidatórios.

As fêmes competem umas com as outras pelos machos alfa tentando ser a mais atraente e a mais disponível para eles, além de aparentar ser indefesa perante esses machos alfa.

Bem, o que vai acima é uma versão bem simplificada de como funciona os relacionamentos “amorosos” dos chimpanzés. Claro, sua estrutura social é mais complexa que isso.

Por exemplo, os machos alfas não ficam perdendo muito tempo caçando machos mais fracos. Na verdade, os machos até que se dão bem uns com os outros, com um grunhido ocasional que pode até ser interpretado como tagarelice.

(Não muito diferente da evolução humana masculina!)

E as fêmeas não estão 100% do seu tempo disputando com as outras o acesso ao melhor macho alfa. Estranhamente, elas não ficam se comunicando muito entre si.

E há mais complexas hierarquias sociais que existem em ambos e para ambos os sexos que flutuam e mudam com o tempo.

Porém, no geral, as linhagens mais bem sucedidas derivam da união dos machos mais fortes com as fêmeas que se mostram mais disponíveis para terem filhotes com eles.

O ponto principal aqui é que a melhor via evolutiva das fêmeas não depende de força física, mas sim da sua capacidade de manipular os machos mais fortes em seu benefício através de vários sinais que elas mandam para eles.

Assim, o quanto mais vulnerável elas aparentam ser, mais atrativas elas serão aos machos.

(Lembre-se que se existir algum chimpanzé macho que prefere as fêmeas mais arredias que sempre se negam a “dar” e que brigam feito tigres para escapar dos seus avanços amorosos, bem, eles já estão mortos há muito tempo. Tais machos não deixariam muitos descendentes. Somente os machos que gostam da companhia de uma fêmea submissa conseguem isso.)

(De acordo com Brown, que é afiliado ao grupo de estudos do Programa de Evolução e Adaptação Humana, suas pesquisas confirmam as pesquisas já feitas anteriormente que demonstram que ter uma postura vulnerável aumenta o poder de atração feminino.)

E se formos comparar o comportamento dos chimpanzés e dos humanos, veremos muitas similaridades entre as duas espécies.

Por exemplo, mulheres continuam sendo atraídas por homens dominantes, e homens são muito atraídos por mulheres que aparentam ser vulneráveis. E isto aparenta ser algo que está bem enraizado na natureza humana.

Mas algo a mais ocorreu no nosso processo evolutivo – o desenvolvimento de uma linguagem complexa.

E a linguagem é um sistema que permite que membros que compreendem e podem usá-lo para se comunicar pode influenciar os outros com ela. Este é o maior propósito da linguagem. Basicamente uma ferramenta para manipular. Seu objetivo é permitir que seus usuários possam afetar a atitude e o comportamento de outras pessoas.

É inutil pegar um pedaço de pedra e ordená-la a se afiar sozinha para virar uma ponta de flecha. Também não importa o quanto você grite com um pedaço de pau. Ele não vai se trasnformar numa lança sozinho, não importe o quanto você esbraveje contra ele.

A linguagem é uma ferramenta que permite a seus usuários manipularem outras pessoas que também a utilizam. Não é uma ferramenta que serve para agir diretamente nos elementos da natureza.

E da mesma forma que as fêmeas dos chimpanzés desenvolveram seus dotes manipulatórios não verbais para poder “se aproveitar” dos machos alfa que vivem entre elas, as mulheres também desenvolveram uma capacidade linguística muito maior que os homens para obter fins parecidos com as das chimpanzés.

Não, eu não estou ouvindo!

(Chimpanzés fêmeas também são muito mais expressivas que os machos. Enquanto a “língua” chimpanzé é mínima, ela é bem efetiva em expressar as emoções básicas – medo, raiva, alegria, etc – através de vários uivos, grunhidos e gritos. É, até mesmo os chimpanzés ficam de saco cheio com toda a verborragia de suas fêmeas enquanto estão concentrados silenciosamentes pensando em suas coisas.)

E assim os humanos consistem atualmente em dois gêneros, onde um deles – o feminino – é extremamente adaptada a manipular o outro sem o uso de força bruta.

E aparentemente as mulheres tem algumas vantagens adicionais:

  1. Elas tem mecanismos não verbais manipulatórios muito melhores do que dos homens;
  2. Elas desenvolveram uma grande capacidade de manipular os outros através da linguagem;
  3. Elas tiveram milhões de anos para desenvolver estas habilidades;
  4. Mesmo o menor uso da “força” ou a ameaça de usá-la (a ferramenta manipuladora que os homens podem usar na guerra entre gêneros) é cada dia mais coibida através das leis.

Então. Que chances tem os homens, hm?

É preciso esclarecer que esta habilidade das mulheres de manipularem os homens não é necessariamente um sinal de “inteligência”. Por exemplo, quando uma esposa puxa o saco do seu marido para fazer ele arrumar o computador, ela precisa de usar bem menos inteligência para isso do que se ela fosse ela mesma arrumar o computador. Ela só precisa da habilidade de manipula-lo.

E no mundo dos chimpanzés, machos alfa frequentemente dão as fêmeas carne fresquinha que eles acabaram de caçar para ter em troca um pouco de sexo.

Mas quando olhamos de perto na questão de quem está se saindo melhor nesta negociação, isto legitima que nos foquemos para ver quais habilidades, quais esforçoes e quanta inteligência terá que ser usada para alcançar determinado fim.

Bem, o chimpanzé macho tem que ficar correndo em áreas muitas vezes desconhecidas por ele para poder procurar, capturar e matar a presa, enquanto a chimpanzé fêmea tem que simplesmente se oferecer a ele.

Hmm... acho que estou sendo explorado...

Obviamente, esta não é uma troca justa! O chimpanzé macho está sendo explorado!

Na verdade, na sociedade ocidental de hoje mulheres que se divorciam de homens ricos frequentemente acabam adquirindo uma fortuna simplesmente por ter aceito a árdua tarefa de ter que suportar por uns anos um estilo de vida privilegiado e luxurioso.

E este tipo de troca totalmente injusta é predominante tanto no mundo dos chimpanzés quanto dos humanos.

E a incrível quantidade de tempo, esforço e dinheiro que as mulheres gastam em poder se parecer mais atrativas para poder manipular melhor os homens ao redor dela nos diz muito onde se concentram suas habilidades reais, motivações e seus verdadeiros gostos.

E cara, elas são boas nisso!

Clique aqui para continuar a leitura do artigo.

fonte: http://www.angryharry.com/esWomenandChimps.htm

 

8 comentários

Pular para o formulário de comentário

  1. G.R.X

    http://napimentaria.com.br/carta-a-fran-a-menina-massacrada-por-um-video-de-celular/?fb_action_ids=10200989275229038&fb_action_types=og.likes&fb_source=other_multiline&action_object_map={%2210200989275229038%22%3A125406537629846}&action_type_map={%2210200989275229038%22%3A%22og.likes%22}&action_ref_map=[]

    O que vcs acha disso?

  2. Marcelos

    DUDA, o objetivo dos sites de masculinismo é ajudar aos homens a não serem transformados em machos betas provedores.

    1 – O custo da reprodução é altíssimo para o homem, porque ele é considerado e aceito só se prover a criação da prole ou ser visto como tal pela fêmea.

    2 – Copular “40 vezes nos macacos”, foi usado como analogia pelo autor. As fêmeas humanas são bem capazes de dar 4.000 vezes se perceberem que é um alfa.

    3 – As fêmeas humanas não são frágeis no sentido que você está falando. Elas só são “frágeis” se forem levar vantagem na hipergamia( passiva no ativo).

  3. sergio

    “A linguagem é uma ferramenta que permite a seus usuários manipularem outras pessoas que também a utilizam. Não é uma ferramenta que serve para agir diretamente nos elementos da natureza. E da mesma forma que as fêmeas dos chimpanzés desenvolveram seus dotes manipulatórios não verbais para poder “se aproveitar” dos machos alfa que vivem entre elas, as mulheres também desenvolveram uma capacidade linguística muito maior que os homens para obter fins parecidos com as das chimpanzés”.

    Muita choradeira coitadista de mimimi somos exploradas, mimimi o mundo é opressivo, mimimi precisamos de PRIVILEGIOS PRIVILEGIOS E MAIS PRIVILEGIOS. MImimi queremos uma lei de RESTRIÇAO DE OPINIAO DIVERGENTE e CENSURA…

    Todo esse chororó é justamente isso, o uso ( e abuso) dessas ferramentas de manipulação. Ressalto o trecho “e homens são muito atraídos por mulheres que aparentam ser vulneráveis”. Por ISSO a mulher tem que alegar essa vulnerabilidade o tempo todo, tem que criar esse falso clima de “cultura de estupro e violência contra a mulher”. Por que? PRIVILÉGIOS?

    http://omarxismocultural.blogspot.com.br/2012/06/mulher-apanhada-mentir-sobre-violencia.html

    Fazem como todo movimento de esquerda, MANIPULANDO DADOS DESCARADAMENTE.

    1. Barãozin

      “Nailed it”, como diria os americanos.

  4. Duda

    Não é porque uma fêmea chimpazé no cio pode copular 40 vezes por dia e porque o comportamento humano em muito se assemelha ao comportamento dos chimpazés que as mulheres adoram dar loucamente por aí. Institivamente, o objetivo dos homens é transar com o número máximo de mulheres possível para procriar o máximo e o das mulheres é ser seletiva e escolher o homem ideal, uma vez que o custo da reprodução é infinitamente superior para as mulheres. A fragilidade é uma característica feminina que aguça o instinto protetor dos homens, não acho que seja uma coisa calculada: é natural. Fazendo um paralelo, o macho alfa de hoje é o homem, antes de tudo, bem sucedido financeiramente porque, como vivemos numa sociedade capitalista, é o dinheiro que garante a “sobrevivência” da prole. Podem achar superficial, mas a escolha pelo homem rico é o análogo masculino pela escolha da mulher gata. É claro que existem outras variáveis, mas essas são escolhas naturais, da evolução.

  5. sergio

    Fuck, constrangedoramente verdadeiro. O mundo “real” é tenso…

    1. Everaldo Fernandes

      É verdade parceiro…. mas tem que ter uma luz no fim do túnel
      essa luz é o conhecimento!
      Darwin, Mendel, Freud, Nietzsche, Nessahan Alita (entre outros) já nos mostraram parte do caminho a ser seguido, por exemplo Darwin nos ensinou que na verdade ser adaptável é a melhor qualidade que se pode ter, então é so se adaptar e usar a manipulação feminina a nosso favor!
      O blog da Real ensina justamente isso: Cresça, trabalhe, estude, malhe, invista em vc mesmo, e use as mulheres para a única finalidade que lhe interessa realmente que é o sexo, quanto melhor vc está, mais dinheiro vc tem, mais forte vc é, mais elas vão lhe querer e tentar lhe manipular, só se aproveite disso! E se lembre, nunca caia nas garras manipuladoras, só coma e saia fora, vc não precisa do “amor” feminino pra ser feliz, foi a sociedade que incutiu isso na sua cabeça, vc precisa de sexo!
      Mulheres não amam (não como você ama), elas lhe amam enquanto vc é o maioral não pelo que vc é, não se torne um beta provedor pq é isso que elas querem.
      A maior massagem de ego de uma fêmea é manipular um alfa a tal ponto que ele vire um beta (isso pode ser ate inconscientemente), iludi-ló que ele precisa dela ( é notável como no começo do relacionamento ela faz tudo pra lhe agradar) depois começam as manipulações, os testes, só para ter o ego massageado.
      Mas como alfa é malandro ele não cai nessa e só usa e da o pé na bunda depois.
      Por fim use camisinha, não tenha filhos ( a menos que vc queira e já tenha se realizado primeiro), não seja o beta provedor seja o alfa comedor! hauhauhauah

      1. luiz Alberto

        Pelo menos os chimpanzes machos nao correm o risco de perderem todos os seus bens para as chimpanzes femeas!

Deixe uma resposta

Switch to mobile version
%d blogueiros gostam disto: